DIARIO DA ILHA: Coronel da PM mata o genro no Maranhão.

.

.

sexta-feira, 16 de fevereiro de 2018

Coronel da PM mata o genro no Maranhão.

Coronel reformado da PM mata genro sócio proprietário do Cidade Velha Pub.
Davi Bugarin entrou bala
Um coronel reformado da Polícia Militar, identificado como Walber Pestana da Silva, de 62 anos, assassinou a tiros o namorado da filha, o músico e publicitário, identificado como Davi de Souza Bugarin de Mello. O caso chocou moradores da Avenida dos Nobres, do bairro Parque dos Nobres, na noite desta quinta-feira, 15. Especulações são muitas em torno do crime, que supostamente teria sido motivado por uma briga entre o casal. O pai, ao presenciar a suposta situação, pegou a arma de sua propriedade e efetuou dois disparos à queima-roupa no músico. Após os disparos efetuados dentro do imóvel, Valber teria arrastado o corpo da vítima para a calçada, onde o teria abandonado e fugido. As polícias civil e militar estiveram no local momentos depois do crime para levantar as primeiras informações e, até o presente momento, não foi possível localizar o paradeiro do ex-policial. Segundo o Delegado do plantão central da Superintendência de Homicídios e Proteção à Pessoa (SHPP), Lúcio Reis, as primeiras informações coletadas foram que Davi e a namorada discutiam por conta de ciúmes, quando Walber se envolveu em meio ao casal ao ver a filha sendo agredida. Os dois teriam entrado em luta corporal, momento em que foram efetuados os dois disparos que atingiram Davi. Após isso, Walber saiu do imóvel. Sua esposa e filha prestaram socorro a Davi, porém, este veio à óbito no hospital. A agressão ainda não foi confirmada e polícia já instaurou inquérito para investigar o crime. O coronel Walber poderá se apresentar ainda hoje na sede da SHPP.
Davi Bugarin foi assassinado a tiros

Nenhum comentário:

Postar um comentário