DIARIO DA ILHA: ESCRAVOS DAS DROGAS:Polícia do Piaui resgata adolescentes escravos em boca de fumo.

.

.

sexta-feira, 26 de junho de 2015

ESCRAVOS DAS DROGAS:Polícia do Piaui resgata adolescentes escravos em boca de fumo.

Polícia do Piaui resgata 9 adolescentes que estavam em cárcere privado em boca de fumo.
Uma operação policial resgatou 9 adolescentes que estavam vivendo em cárcere privado em uma boca de fumo na Vila Jerusalém, zona Sul de Teresina. A ação policial aconteceu na tarde desta quinta-feira (25) após uma denúncia de uma mãe que não via a filha há dois meses. A garota estava entre os jovens recuperados. De acordo com o capitão Sousa Marques, da Força Tática do 1º Batalhão da Polícia Militar (1ºBPM), a mãe chegou a procurar a filha na Vila Jerusalém e foi ameaçada pelo maior suspeito de estar aprisionando a garota.
"Depois que ela procurou a filha esse rapaz começou a ameaça-la pelo telefone, então ela procurou a polícia. Fizemos uma operação e estávamos monitorando o local, quando conseguimos visualizar a menor resolvemos entrar na residência", informou o capitão da PM. No local, o capitão encontrou 9 adolescentes que estavam supostamente consumindo drogas e trabalhando para o tráfico sob o comando de um jovem de 22 anos identificado apenas como Carlielson. Dentre os menores estavam quatro meninos, um deles com apenas 10 anos de idade, e cinco meninas.
A polícia apreendeu 30 trouxas de maconha prontas para consumo; um cachimbo árabe, usado para consumo coletivo, e diversos aparelhos celulares. Em um dos aparelhos a polícia encontrou fotos que vão desencadear a investigação de outros crimes. Há suspeita de estupro. "No celular tinha fotos de uma menor de 14 mantendo relações sexuais com o Carlielson. Ele tinha relações sexuais com ela e com a outra de 15 anos. As outras mantinham relações com outros garotos de lá", afirmou o capitão Sousa Marques.

O policial militar afirmou ainda que uma das menores pode estar grávida do suspeito. "Levamos o Carlielson para a Central de Flagrantes para os procedimentos legais e lá a menor de 14 anos falou para o delegado que está grávida", contou o capitão Sousa Marques. A menor foi levada para a Maternidade Evangelina Rosa para ser submetida a um exame de gravidez.

Nenhum comentário:

Postar um comentário