DIARIO DA ILHA: Morreu a tiros no serviço

.

.

sexta-feira, 29 de maio de 2015

Morreu a tiros no serviço

Porteiro é assassinado a tiros dentro de escola 


No início da noite da última Quinta-feira dia (28) o porteiro da Escola Antônio Albuquerque localizada na Vila Centenário em Iguatu distante 365 km de Fortaleza. Foi assassinado a tiros.
A vítima Flávio Alexandre de Souza
Segundo informações preliminares, a vítima identificada como Flávio Alexandre de Souza de 34 anos foi surpreendido por 02 indivíduos armados que chegaram na porta da unidade escolar em uma motocicleta. Ao se aproximarem um dos assassinos tentou roubar a arma do porteiro que fazia a vigilância do local, mas ele tentou intervir e um dos assassinados acabou efetuando vários disparos de arma de fogo na cabeça de Flávio e em seguida fugiram tomando rumo até então ignorado. A vítima foi atingida por 03 tiros e não resistiu aos ferimentos vindo a morrer no local do crime.
Suspeito Ronald Sobreira Galdino
Seu corpo foi recolhido e encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML). Já na manhã desta Sexta-feira dia (29) um dos acusados do crime identificado como Ronald Sobreira Galdino de 18 anos, conhecido popularmente como “Ronim” foi localizado em uma residência na travessa da rua Plácido Castelo. Com ele foi encontrado o revólver calibre 32 que foi utilizado no crime.

Ronald foi autuado em flagrante e encaminhado para a Cadeia Pública de Icó. A Polícia Civil investiga o caso e trabalha na tentativa de localizar o comparsa de Ronald.

Nenhum comentário:

Postar um comentário