DIARIO DA ILHA: Beleza que mata no Maranhão

.

.

quinta-feira, 12 de fevereiro de 2015

Beleza que mata no Maranhão

Duas mortes em cirurgias plásticas em uma semana são registradas
Mara Silva Diniz faleceu em São Luís e Regina Barros
(à direita) morreu em Imperatriz
Em seis dias duas mortes foram registradas durante procedimentos do tipo cirurgia plástica no Maranhão.

A primeira morte ocorreu em Imperatriz, na última quinta-feira (5). A esposa do bancário Arnóbio Bandeira, Regina Barros veio a óbito durante uma intervenção cirúrgica realizada em uma clínica da cidade. Erro médico pode ter sido a causa da morte da paciente. Segundo a família parte do intestino de Regina teria sido cortado durante a realização da lipoaspiração. 
O segundo caso aconteceu na noite de terça-feira (9) em São Luís. Mara Silva Diniz, 36 anos, foi submetida a um procedimento cirúrgico na clínica Ibirapuera, no bairro Cohatrac. De acordo com informações de familiares, durante a cirurgia ela teve choque anafilático e parada cardiorrespiratória. Mara teria colocado silicone e feito uma abdominoplastia (cirurgia que retira excesso de pele do abdômen). Mas houve complicações e ela foi a óbito.
FONTE: iDifusora

Nenhum comentário:

Postar um comentário